Sindicato participa de audiência no MPT sobre descomissionamento de caixas

Sindicato participa de audiência no MPT sobre descomissionamento de caixas Destaque

Sindicato participa de audiência no MPT sobre descomissionamento de caixas
 
Representantes dos bancários do Banco do Brasil participaram, nesta terça-feira (12), de audiência na Procuradoria Regional do Trabalho da 10ª Região para tratar do descomissionamento de mais de 700 caixas em todo o país. O encontro ocorreu depois de denúncia da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT).
 
A queixa foi feita ao Ministério Público do Trabalho depois que o BB anunciou, em janeiro de 2018, a continuidade do processo de reestruturação, cujas consequências envolviam redução de cargos, criação de outros e previsão de corte de 1200 caixas nas agências, postos de atendimento e PSO - Plataformas de Suporte Operacional. 
 
Durante a audiência, conduzida pela procuradora do Trabalho Drª Paula de Ávila e Silva Porto Nunes, o representante do BB informou que: desde a última audiência, 65 bancários foram realocados e 7 saíram do banco; de fevereiro para cá, são 576 caixas descomissionados para 521 vagas disponíveis para caixa, assistente operacional júnior e atendente, assistente pleno e de negócios, além de gerente e supervisor.
 
Como proposta, os representantes dos trabalhadores pediram que o banco priorizasse a concorrência para os caixas descomissionados por meio do sistema TAO. Com a notícia de que ainda há bancário descomissionado exercendo a função de caixa em caráter de substituição, os representantes dos bancários se comprometeram a enviar para o banco a listagem dos trabalhadores que se encontram nesta situação.
 
A próxima audiência já está marcada para o dia 23 de julho, às 14h30.

 clique aqui para ver a ata em PDF