Fenae lança campanha “Não tem sentido”, em defesa da Caixa

Fenae lança campanha “Não tem sentido”, em defesa da Caixa Destaque

Fenae lança campanha “Não tem sentido”, em defesa da Caixa

Já é possível enviar vídeos e depoimentos opinando por quais motivos o banco não pode ser privatizado ou enfraquecido. Lançamento da campanha ocorre em momento de ataques ao patrimônio público e da volta do discurso privatista e do Estado mínimo

Não tem sentido privatizar a Caixa. Não tem sentido enfraquece-la. Não tem sentido acabar com o seu papel social. Não tem sentido reduzir o crédito para a população. Não tem sentido retirar o FGTS do banco. Esses são alguns dos slogans da nova campanha em defesa do banco lançada pela Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae). O objetivo é mobilizar empregados do banco no primeiro momento, mostrando que ele precisa continuar 100% público, forte e social. Mas outras entidades representativas e sociedade em geral também serão envolvidas.

E fazer parte da campanha “Não tem sentido” é muito simples! Por meio do endereço www.naotemsentido.com.br é possível enviar vídeos ou depoimentos opinando por quais motivos a Caixa não pode ser privatizada ou enfraquecida. Personalidades e dirigentes do movimento dos trabalhadores já gravaram falas, entre eles Jessé de Souza, Luiz Gonzaga Belluzzo, Emir Sader, Gilberto Bercovici, Esther Dweck, Jair Pedro Ferreira (presidente da Fenae), Sérgio Takemoto (vice-presidente da Federação) e Juvandia Moreira (presidente da Contraf-CUT).

“No ano passado, realizamos a campanha ‘Defenda a Caixa você também’, em que reforçamos a importância do banco em áreas como habitação, saneamento básico, educação, cultura, esporte, agricultura, gestão do FGTS e loterias. Diante das ameaças da atual conjuntura, com a volta do discurso privatista e de Estado mínimo, queremos, mais uma vez, conscientizar e mobilizar empregados e brasileiros em geral sobre esse tema. Afinal, não tem sentido acabar com esse patrimônio do país, beneficiando o setor privado, que lucra bilhões todos os anos”, afirma Jair Ferreira.

No manifesto de lançamento da campanha, a Fenae frisa que não tem sentido jogar fora conquistas importantes. “Poupança, penhor, habitação, FGTS, programas sociais inovadores, eficientes e reconhecidos no mundo inteiro. Em 157 anos de existência, a Caixa consolidou o seu protagonismo no desenvolvimento econômico e social do Brasil”, diz o texto. E ainda: “Quem defende a privatização da Caixa, seja de todo o banco ou seja em partes, não tem o menor compromisso com o Brasil e com os brasileiros”.

Ainda de acordo com Jair Pedro Ferreira, em breve a campanha “Não tem sentido” vai se espalhar pelo país. “Vamos enviar cartazes, adesivos, folders e outros materiais para as unidades da Caixa, com apoio dos sindicatos, Apcefs e demais entidades nos estados. Com a participação dos colegas de banco, vamos inundar as redes sociais com a hashtag #NãoTemSentido, vídeos e depoimentos. E também realizar ações de mídia”, esclarece o presidente da Fenae.

Acesse www.naotemsentido.com.br e faça parte da campanha!

Mais informações

Fenae / Gerência de Comunicação

imprensa@fenae.org.br

(61) 3323-7516

 

Fonte: Fenae