Empregados do BNDES aprovam proposta de ACT

Empregados do BNDES aprovam proposta de ACT Destaque

Empregados do BNDES aprovam proposta de ACT

Em assembleia realizada no dia 26 passado os empregados do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) da base de Brasília aprovaram a proposta de Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) apresentada pelo banco, que garante a manutenção de todas as cláusulas do atual acordo específico por dois anos (2018/2020).

O diretor da Fetec-CUT/CN Wescly Queiroz considerou o resultado positivo, uma vez que o acordo garante a manutenção dos direitos conquistados pelos trabalhadores e evita os impactos das novas regras trabalhistas, impostas pela reforma.

 

Reajuste

O banco vai seguir as cláusulas econômicas da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), assinada entre o Comando Nacional dos Bancários e a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). Com isto ficam assegurados, neste ano, reajuste de 5%, correspondentes à reposição da inflação, mais 1,31% de aumento real; e, em setembro de 2019, reposição inflacionária mais 1% de aumento real.

Ivan Amarante, diretor da Fetec-CUT/CN, também participou da assembleia.

 

Da Redação