Entidades entregam documento a Ibaneis e Rollemberg

BRB

Entidades entregam documento a Ibaneis e Rollemberg Destaque

Entidades entregam documento a Ibaneis e Rollemberg

O Sindicato, a AFA BRB, a AEBRB e a AABR, entidades representativas do conjunto de empregados do BRB, entregaram o documento “BRB para o futuro" a mais dois candidatos ao GDF: Ibaneis Rocha (MDB) e Rollemberg (PSB), no dia 20 passado. 

No documento, elaborado com a participação das quatro entidades, é feito um diagnóstico recente do BRB e apontadas suas potencialidades para se firmar como o banco do DF, com perspectivas de avançar em sua área de atuação, de forma a se estender para a região Centro-Oeste. Nele são ainda elencadas ações que podem ser desenvolvidas como forma de dinamizar o banco, tornando-o mais rentável e também mais efetivo nas políticas de fomento. 

O documento defende também a importância de se manter uma gestão com empregado de carreira do BRB à sua frente, como elemento de coesão do corpo funcional visando ao propósito de um norte único para o banco, que busque sua perenização com excelência. 

Candidato do MDB ao governo do DF, Ibaneis Rocha assumiu formalmente o compromisso de não privatizar o BRB. O emedebista pontuou que conhece o BRB muito bem, pois entende que essas empresas são necessárias para o DF, que está vivendo uma de suas maiores crises. “Eu confio nos seus funcionários, sei que o corpo técnico é bastante qualificado”, afirmou Ibaneis, acrescentando que vai buscar parcerias para o que o BRB passe a ser o maior banco de investimentos das pequenas e microempresas.

Ibaneis Rocha tranquilizou os interlocutores, assegurando que nunca descumpriu os seus compromissos. “Podem transmitir isso aos funcionários. Não vai existir privatização no BRB e em nenhuma outra empresa pública. Todas elas, vão crescer nos próximos quatros anos, período que vou também triplicar a carteira do banco, que tem condições de gerar um lucro social maravilhoso para desenvolver o DF”, assegurou.

O candidato ao GDF também garantiu que não vai nomear nenhum funcionário do BRB. Caso seja eleito, vai optar por um sistema de lista tríplice – os bancários indicam o nome de três colegas e encaminham para o governador, que fará a escolha final.

No final do encontro, Ibaneis assegurou: “Sindicato comigo não vai precisar fazer greve. Vamos ter um diálogo aberto”. 

 

Rollemberg reitera compromisso de fortalecer o BRB

“O BRB tem uma gestão profissional séria, afastada de ingerências político-partidárias, conforme compromisso por mim assumido durante a campanha de 2014”, pontuou o candidato à reeleição do GDF Rodrigo Rollemberg (PSB), aos representantes das entidades envolvidas no ‘BRB para o Futuro’ que, naquele ano, entregaram um documento similar ao então candidato a governador.

Desta vez, os representantes dos bancários se reuniram novamente com o candidato à reeleição, para reforçar e cobrar os compromissos por ele assumidos na ocasião e nem todos cumpridos como, por exemplo, a falta de instrumentos para atravessar a turbulência do momento, o resgate de seu papel de fomento e a manutenção do BRB enquanto banco público.

Rollemberg disse que vai analisar as atuais demandas, mas a princípio tem muita concordância com todas que se resumem no fortalecimento do BRB. Ele reiterou que a estrutura administrativa do banco e de suas empresas controladas e coligadas será adequada ao porte e necessidade para uma gestão profissional, sem nenhuma indicação política. E afirmou que vai ampliar o diálogo com as instituições representativas do banco.  


Mariluce Fernandes
Do Seeb Brasília