Sindicato ingressa com ações coletivas para pagamento de 7ª e 8ª horas

MUTIRÃO DE INICIAIS

Sindicato ingressa com ações coletivas para pagamento de 7ª e 8ª horas Destaque

Sindicato ingressa com ações coletivas para pagamento de 7ª e 8ª horas

O Sindicato ingressou com ações coletivas na Justiça do Trabalho cobrando o pagamento da 7ª e 8ª horas para bancários do Bradesco, Santander, Itaú, Banco do Brasil e Caixa. As petições foram protocoladas pela LBS Advogados, assessoria jurídica da entidade, para resguardar o direito dos trabalhadores.

Desde 2000, o Sindicato está na linha de frente da batalha jurídica pelo respeito à jornada de 6 horas, garantindo o direito do trabalhador quanto ao pagamento do passivo trabalhista e protegendo-o da prescrição de cinco anos prevista na Justiça do Trabalho.  

Trata-se de uma estratégia jurídica que vem se aprimorando e sendo ampliada. O salto se deu em janeiro de 2013, quando o Sindicato ganhou o direito no Tribunal Superior do Trabalho (TST) de pleitear as 7ª e 8ª horas em ações coletivas. Essa vitória, em duas ações coletivas, abriu caminho para as ações impetradas pelo Sindicato para todos os bancários que exerceram jornada de 8 horas em funções técnicas. 

As ações incluem bancários do Bradesco, BB, Santander, Caixa e Itaú. São trabalhadores que atuam em diversos cargos.

"O Mutirão de Iniciais se encerrou em 30 de novembro e protocolou as ações individuais e coletivas cabíveis, dentro do prazo previsto na Cláusula 11ª da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) 2018/2020, que trata da Gratificação de Função", explica a secretária de Assuntos Jurídicos do Sindicato, Marianna Coelho. 



Confira a relação Completa das ações ingressadas pelo Sindicato:

Da Redação